Conheça a nova geração das redes sem fio

nomenclatura mais fácil de entender em relação ao nome antigo, que misturava números e letras, como 802.11 ax, a tecnologia promove ganhos de performance e eficiência, prometendo velocidades na faixa dos 12 Gb/s.

Outros recursos também merecem destaque, como ferramentas para reduzir o consumo de energia em celulares e o combate às interferências de rede. Vale lembrar que o Wi-Fi 6 é compatível com dispositivos antigos, desenvolvidos junto a outras gerações wireless.

Wi-Fi 6: velocidade e maior tráfego

Anunciado em 2019 pela Wi-Fi Alliance, o Wi-Fi 6 apresenta uma melhorar na conexão dos usuários com redes Wi-Fi. Entre as novidades apresentadas no padrão, está o aumento na velocidade e na capacidade de tráfego de dados.

O Wi-Fi 6 traz um avanço significativo na velocidade suportada, quando comparado com o Wi-Fi 5. O padrão é capaz de suportar velocidades de conexão de 9,6 Gb/s, enquanto o seu antecessor era capaz de chegar até 3,5 Gb/s.

No entanto, esses limites são considerados teóricos, pois dificilmente algum dispositivo será capaz de atingir tais velocidades por conta de perdas naturalmente causadas por sinais wireless.

Em condições normais de utilização, o Wi-Fi 6 pode alcançar taxas de transmissão de mais de 1.200 Mb/s, enquanto o Wi-Fi 5 conseguia atingir pouco mais de 860 Mb/s.

Novos roteadores TP-Link são compatíveis com padrão Wi-Fi 6 — Foto: Divulgação/TP-Link